Conhecendo o Microsoft App-V

app-v

Olá pessoal.

Existe uma solução disponibilizada pelo pacote MDOP da Microsoft chamada App-V. Com ela conseguimos fazer com que a aplicação seja executada de forma virtualizada, sem precisar instalar ou configurar o software na maquina local.

Para entender como funciona uma aplicação do App-V, considere o exemplo de um software comum como o da figura 1:

AppV1

Figura 1 – Exemplo de aplicação normal

Quando um programa é instalado ele cria alguns serviços, arquivos de configuração, chaves de registros e alguns dados na máquina local. Normalmente quando temos um outro programa que precise alterar alguns desses recursos existentes um erro é apresentado quando os dois são executados ao mesmo tempo.

Agora, perceba como a aplicação virtual funciona pela figura 2:

AppV2

Figura 2 – Applicação virtual

Os arquivos, chave de registros e serviços são executados dentro de um ambiente virtual que são enviados aos usuários através de streaming do App-V Server, criando uma especie de isolamento ou “bolha” entre os softwares, garantindo que uma ou mais aplicação seja executada ao mesmo tempo, além de acelerar a instalação aos clientes. Quando o usuário fecha o software a conexão é finalizada e o software é removido (na verdade não existe instalação nem remoção, pois o programa é executado através do ambiente virtual).

Usando o App-V você terá algumas oportunidades e funcionalidades que não existem em uma applicação normal, como por exemplo:

  • Executar a aplicação através de streaming pelo AppV Server, dispensando a instalação local nas máquinas
  • Usar 2 softwares incompatíveis entre eles no mesmo computador
  • Atualizar uma aplicação através do servidor, sem precisar configurá-las clientes por clientes
  • Controlar o uso dos softwares por licença. Por exemplo: Habilitar somente 10 usuários a usarem a aplicação simultaneamente ou atrelar um software a um grupo ou um usuário específico.
  • Apresentar a aplicação de forma rápida e fácil para os usuários

Para ajudar no entendimento do App-V eu fiz 3 artigos passo a passo, confiram:

No primeiro artigo é exibido os pré requisitos, instalação e a pós configuração do Server App.

No segundo é abordado o procedimento para transformar uma aplicação normal em uma aplicação virtual e por último a importação da aplicação e a publicação das mesmas para os usuários através do servidor.

O intuito dos artigos é mostrar de forma simples o ciclo de vida de uma aplicação virtual, começando pela instalação do servidor, conversão e instalação para os usuários.

Para reforçar, seguem alguns links interessantes sobre o produto:

AppV Webpage: http://www.microsoft.com/systemcenter/appv/default.mspx

Application Virtualization Techcenter: http://technet.microsoft.com/en-us/appvirtualization/default.aspx

Página principal do MDOP: http://www.microsoft.com/windows/enterprise/products/mdop/default.aspx

Blog do time de App-V: http://blogs.technet.com/b/appv/

Caso tenham alguma dúvida, fiquem a vontade para entrar em contato.

Leandro Carvalho
MCSA+S+M | MCSE+S | MCTS | MCITP | MCBMSS | MCT | MVP Virtual Machine
MSVirtualization | WordPress | Winsec.org | LinhadeCodigo | MVP Profile
Twitter: LeandroEduardo | LinkedIn: Leandroesc

About leandroesc
Leandro Carvalho works as product specialist with Microsoft solutions such as Windows Server, Hyper-V, App-V, VDI, Security, System Center, Exchange, Lync Server, Sharepoint, Project Server and client systems, in addition to helping the community constantly with articles, forums, videos and lectures about his passion: Microsoft Virtualization. He obtained the certifications Certified Ethical Hacker/MCP/MCSA+M+S/MCSE+S/MCTS/MCITP/MCT and MVP. In 2009 he won the MCT Awards Latin America Trainer of the year and since 2009 the Microsoft MVP as a Virtualization Specialist.

6 Responses to Conhecendo o Microsoft App-V

  1. Wesley Martins says:

    Leandro, quando virtualizo uma aplicação utilizando o App-V as licenças para o software continua da mesma forma que fosse uma aplicação instalada localmente?

  2. fernando says:

    Bom Dia,

    Por exemplo aqui na minha empresa tenho 3 licenças para Office 2007, no entanto tenho 10 funcionários, ai tenho que deixar os 7 restantes usando as licenças do 2003 que já havia comprado.
    É possível fazer o seguinte: instalar o OFFICE 2007 licenciado no servidor de virtualização e depois virtualizá-lo e disponibilizar a todos os 10 pc’s sem ter que comprar 10 licenças?
    Pois ele vai ser executado somente no servidor de virtualização, não será instaldo na maquina do cliente. Então logicamente só preciso de uma única icença.

    • leandroesc says:

      Olá Fernando.

      Se voce virtualizar a aplicação, não importa qual seja, ainda terá que pagar as licenças da mesma forma. Nesse seu cenário voce terá que obter 10 licenças, mesmo usando o App-V através do servidor.

      Abs.

      • Neste caso, onde ele possui 3 licenças, existe a possibilidade de ele utilizar somente 3 simultâneas e, por exemplo, a 4 pessoa a utilizar entrar em uma fila de espera? onde a aplicação seria liberada somente quando uma das 3 que estivessem em uso fosse liberada?

      • leandroesc says:

        Tem sim Eduardo. Tem uma funcionalidade no App-V Management Server que é possível controlar a quantidade de pessoas que poderão usar o aplicativo e bloquear o acesso quando o limite for atingido.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: